sábado, 18 de março de 2017

Movimento



Parar
Respirar
Ir fundo
Mergulhar
Voltar
Olhar
Rever

O não ser em mim







Sinto-me ausente de mim mesma.
Sem tergiversar: há tempos não me reconheço.
É como se eu tivesse deixado evadir, como se eu tivesse espalhado por aí, pedaços de mim.
Estou em fragmentos, partida, atravessada.

sábado, 26 de março de 2016

Desbunde



Eu tinha o meu lugar seguro, sabe?
Tinha também tudo arranjado, minhas convicções, meu querer consciente, o controle de mim, de minha natureza
Fui tão duramente contestada...
Tão implacavelmente devassada...
Gastei todos os meus argumentos e meus planos de fuga
Entendi que já não existe um esconderijo que não possa ser descoberto por você
Nua sob teus olhos persecutórios
Acossada diante das tuas investidas
Terei salvação?

Mais que apenas uma noite de sexo



Não teríamos apenas uma noite de sexo, porque eu seria capaz de te amar. Sendo assim, teríamos muito mais que apenas uma noite de sexo.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

O Meu Homem



 
O meu homem
Saboroso...
Tem cheiro de tempero nas mãos
Tem gosto doce de cocada na boca

O meu homem
Deslumbrado...
Fala tudo de si
Sabe pouco de mim

O meu homem
Zeloso...
Não gosta que eu me zangue
Diz para eu sempre sorrir

O meu homem
Carinhoso...
Toma banho comigo
Esfrega as minhas costas

O meu homem
Sensual...
Conhece meu corpo
Descobre sempre mais

O meu homem
Jardineiro...
Semeia bem-querer
Planta ideias de amor no meu coração

domingo, 16 de agosto de 2015

Otto



Penso muito nesse menino querido que ainda não nasceu.
Meu coração repleto de amor me faz querer segurar, olhar e respirar os ares de uma nova vida que invade e reanima a minha vida, já um pouco cansada...
O pequeno sol há de chegar e não demora.
Os dias serão bons e as primaveras ainda mais belas.

domingo, 9 de agosto de 2015

Há muito mais

Você que partiu o laço, o beijo e o abraço
Você que vive longe e que gosta de silêncios longos
Pra você eu posso dizer que tenho surtos de saudade
Pra você eu posso fazer um apelo bem baixinho:
Volta! Só um pouco...
Nem que essa volta seja num sonho difícil de lembrar
No delírio de uma febre
Ou num encontro de poucas palavras e algumas cervejas
Pra você eu devo dizer que há muito mais